Fale agora com um dos nossos especialistas

E-commerce

Como aumentar as vendas recorrentes do seu e-commerce?

Robox 10 min de leitura 21 de janeiro de 2021
vendas recorrentes em e-commerce

Se você trabalha com e-commerce, pensar em como aumentar as vendas recorrentes em um e-commerce talvez provavelmente é o seu foco.

Você também  já entendeu que esse segmento se encontra em alta e está sendo o grande foco das tendências há alguns anos. De acordo com um levantamento da Neotrust/Compre&Confie, somente durante a Black Friday de 2020, foram comercializados mais de 5,1 bilhões de reais, valor 31% maior do que no mesmo período do ano passado. 

Porém, apesar de estarem em crescimento, ainda existem fatores de diferenciação que são importantes para dar uma maior estabilidade para os lojistas do país, e um deles é a recorrência de suas vendas. Dessa forma, se consegue ampliar as margens de lucro e ainda garantir uma maior previsibilidade no orçamento do seu negócio. 

Neste artigo, vamos trazer algumas oportunidades e dicas que você pode estar aplicando o mais rápido possível para fazer o seu negócio ficar ainda maior!  Você vai saber como é possível aumentar as vendas recorrentes em um e-commerce. Confira! 

 

O que é uma venda recorrente?

 

Uma venda recorrente, também conhecida como pagamento recorrente em alguns lugares, vem da ideia de realizar vendas com uma frequência pré-acordada anteriormente a fim de se ter uma maior recorrência de pagamentos. 

Na prática, os vendedores trabalham estipulando um intervalo de tempo entre as cobranças, que vai de acordo com o entendimento do seu negócio, do produto oferecido e do público que você trabalha. Um ótimo exemplo são os clubes de assinatura, em que podem ter uma frequência semanal até de ano em ano.

Nesse caso, quando acordado, o pagamento será feito na data prevista e você terá uma previsibilidade maior na receita do seu negócio. Mas como garantir que os seus clientes vão aderir a esse sistema?

Ter uma maior comodidade ao não precisar ficar lembrando sempre de aquele produto, não ficar procurando um novo player a cada compra e também ter a chance de não digitar os números do cartão de crédito, podem ser alguns bons argumentos para você trabalhar com os clientes e garantir uma venda recorrente. Afinal, preocupação é algo que você quer eliminar da vida deles! 

 

Algumas empresas e exemplos 

 

Alguns exemplos de empresas e prestadores de serviços que trabalham com vendas recorrentes são Spotify, Netflix, P&G, GlossyBox, porém você encontra as vendas recorrentes de diferentes perspectivas. 

Existem as assinaturas, que entram jornais, canais de TV fechados, livros; as mensalidades, como academia, escola, estacionamento, cursos online ou presenciais, universidades; os planos, como planos de saúde, de telefonia, de internet; e os contratos, por exemplo: aluguel, franqueamento, recebimentos programados, empreiteiras, restaurantes e etc.

Todas essas formas trabalham, de maneira diversa, com pagamentos recorrentes. Você já tinha percebido isso?


Vantagens da venda recorrente

 

Depois de entender inicialmente um pouco mais sobre essa ideia, agora precisamos conhecer um pouco sobre as suas principais vantagens! De antemão, gostaríamos de falar que são vantagens que contemplam tanto aos clientes quanto também aos lojistas, donos dos negócios.

 

Nitidez

 

Uma das maiores vantagens e benefícios da venda recorrente de assinatura é o fato de que quando o cliente assina para receber o serviço, ele já possui em mãos todos os detalhes financeiros da relação, tendo, portanto, transparência e nitidez em relação a todo o processo de assinatura. 

Os valores, taxas, as datas de pagamento, expiração da assinatura, por sua vez, já vêm todas de uma vez, evitando aquela ideia de incerteza e imprevisibilidade. Além disso, outra forma de fazer com que o cliente confie no seu negócio é o fato de que, com um pagamento recorrente, é possível tirar dúvidas de maneira prática e rápida.

 

Praticidade

 

E por falar em praticidade, essa é outra grande vantagem do sistema de vendas recorrentes. De fato, todo o processo se torna MUITO prático. Afinal, tudo que vai ser feito, já foi estruturado, realizado e pensado no início de tudo, principalmente financeiramente falando. 

Os dados, a busca por um player, a burocracia de comprar algo, nada disso vai ser recorrente, apenas o pagamento. Além disso, para os donos do negócio, ou sua equipe financeira, o pagamento recorrente também é muito vantajoso, pois é necessário realizar o cadastro e a cobrança para o cliente apenas uma única vez. 

Toda essa otimização faz com que você economize muito tempo! Assim você pode usar esse tempo com assuntos, atividades e reuniões que pensem em outras áreas da sua empresa que vão te trazer retorno e desenvolvimento.

 

Segurança  

 

Antes de falar mais sobre esse tópico, é preciso entender que o pagamento recorrente acontece através do cartão de crédito. Isso significa que, em grande parte, os riscos e a responsabilidade pela inadimplência são das operadoras do cartão. 

Dessa forma, o uso deste sistema pode auxiliar em proteger sua empresa contra níveis mais altos de não cumprimento dos acordos, que, a longo prazo, podem gerar inseguranças e desequilíbrio no fluxo de caixa. 

 

Controle

 

A última vantagem pode até parecer óbvia, pois ela é consequência de todas as outras anteriores. Com uma venda recorrente você com certeza tem mais controle de tudo que entra e tudo que sai, principalmente porque existe a periodicidade que é fixa. 

Portanto, não aquela de “quando vou receber mesmo” e não poder fazer planos em decorrência dessa incerteza. Com uma gestão de pagamento recorrente, não fica difícil realizar um controle de itens como ticket médio de compra,  taxa de inadimplência e porcentagem de renovação de assinaturas, por exemplo.

 

melhor plataforma de e-commerce para Clubes de Assinatura

 

Como aumentar as vendas recorrentes em um e-commerce?

 

Mas como aumentar as vendas recorrentes do e-commerce? Essa é uma ótima indagação a se fazer porque sabemos que lidar com esse tipo de negócio pode ser difícil algumas vezes. Por isso, separamos aqui algumas dicas que podem ajudar nesse processo. Confira! 


1. Entendendo o Mix de produtos e a frequência deles

 

Quais são os produtos que estão mais saindo do seu e-commerce? Com qual frequência os seus clientes fazem a compra deles? Entendendo isso, você consegue pensar em produtos complementares que vão somar, gerando valor na compra. 

Além de estar fazendo com que o cliente saia mais preparado para o que problema que ele queria resolver e o seu negócio sai ganhando, literalmente. 

Porém, para que isso aconteça corretamente, é imprescindível que tenha os dados certos dos seus clientes, como o histórico de compra, nome, endereço, e-mail e produtos mais comprados, pois isso vai ajudar na personalização das estratégias. 

 

2. Personalizando Kits e promoções  

 

Supondo, se no histórico de compra do cliente para um e-commerce de um Pet Shop, encontramos shampoo e condicionador para cachorro comprados de mês em mês. Por que não oferecer um kit de shampoo, condicionador e um perfume? Criar kits personalizados é uma ótima solução! 

Dessa forma, entendendo a jornada do cliente, você consegue trazer essa personalização para que atue no crescimento das suas vendas recorrentes. Além disso, outra estratégia mais interessante ainda pode ser criar promoções em cima desses kits!

 

3. Criando campanhas de comunicação 

 

Com dados em mãos, você consegue fazer muita coisa, inclusive campanhas de comunicação eficazes que vão atingir as pessoas certas no tempo certo. Você pode disparar e-mails marketing, montar uma sinalização ou banner diferente no seu e-commerce, mensagens no whatsapp e SMS, enfim. 

Tudo isso vai depender da sua capacidade de implementação, verba e outros fatores, porém, quando implementadas corretamente podem entregar muito resultado! Já experimentou? Algumas pessoas gostam também de trabalhar com remarketing para esse tipo de situação.

 

4. Desenvolvendo um clube de assinaturas

 

Provavelmente a maneira mais segura de se ter vendas recorrentes seja por meio de um clube de assinaturas. Essa modalidade já foi comentada aqui neste artigo como exemplo, logo ali no início! 

Com um clube de assinaturas do seu e-commerce, você não precisa se preocupar em fazer tudo isso que foi mencionado acima, pois o pagamento é fixo, de acordo com o que você acordou com o cliente. 

Imagina fechar um contrato de um ano entregando shampoo e condicionador para pets para o cliente, no tempo que geralmente precisa, sem ter que se preocupar com pagamento nem com toda a burocracia durante esse período? 

É assim que funciona o plano de assinaturas! Você não precisa ficar ligando e entrando em contato para ver se os clientes precisam novamente do produto de mês em mês, nem se eles vão estar olhando para outros concorrentes ou se vão estar com dinheiro disponível.

Que bom que você chegou até aqui! Com certeza você teve vários insights de como aumentar as vendas recorrentes em um e-commerce. Se você tem vontade de desenvolver melhor o seu negócio e alavancar suas vendas sem preocupação, convidamos a estruturar um clube de assinaturas para o seu e-commerce com a Robox

E caso tenha interesse em saber mais sobre o mundo do e-commerce e das plataformas de assinatura, continue no blog e nos siga no LinkedIn

5 1 vote
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Artigos relacionados

Quer saber das últimas novidades do cenário digital?