Fale agora com um dos nossos especialistas

Assinaturas

10 estratégias para elevar o nível do seu e-commerce por assinatura

Lara Ximenes 9 min de leitura 22 de outubro de 2021

*Este artigo foi inspirado na publicação em inglês “10 Strategies for State-of-the-Art Subscription eCommerce”, publicado pelo co-founder da Plataforma Limio no Subscribed, portal  sobre e-commerce por assinatura

Nunca foi tão importante vender assinaturas online – e da melhor forma possível. Bem antes da Covid-19 aparecer e nos levar ao mundo do trabalho remoto e das compras virtuais, assinar serviços já era uma expectativa do consumidor. Afinal, por que gastar tempo saindo de casa ou falando com alguém pelo telefone se eu posso, por exemplo, começar o meu teste grátis em um serviço de assinaturas com apenas três cliques?

Experiência em primeiro lugar


A pandemia, entretanto,
acelerou esse processo e tornou as apostas mais altas. Principalmente para negócios como publicações, telecomunicações e produtos midiáticos. Agora, o momento pede que as empresas forneçam mais autonomia para os clientes – ou seja, mais automação nos processos.

A boa notícia é que nunca foi tão fácil empoderar seus assinantes, garantindo que eles possam fazer upgrades, cancelamentos, renovações e pagamentos por conta própria, tudo no conforto de suas casas. Usando as plataformas certas, seu e-commerce por assinatura pode tornar a experiência do assinante a mais confortável e suave possível.

Mas, graças a gigantes como Spotify e Amazon, as expectativas dos consumidores de e-commerces e negócios recorrentes estão também mais altas. A conveniência é o que o cliente mais deseja: uma experiência intuitiva e sem atritos. Isso pode parecer difícil, pois um negócio por assinatura precisa equilibrar integrações de pagamento, validação de e-mails, análise de dados e suporte técnico – tudo para garantir a fidelização do assinante ao longo de sua jornada na empresa.

Por isso, para gerenciar um e-commerce da melhor forma, você precisa agir como um maestro, fazendo com que cada parte do seu negócio siga em harmonia com a experiência do assinante: o produto, as campanhas de marketing, os pagamentos… O ciclo de vida do seu assinante, desde o fechamento da assinatura até um possível cancelamento, depende disso.

E como entregar uma experiência de alto nível para o seu assinante? Aqui vão 10 dicas que você pode seguir, trazidas pelo co-founder da Limio.

1. Forneça clareza total na sua página de preços

Os maiores players no mundo das assinaturas – desde o Spotify Premium ao jornal The Economist, todas possuem uma página de preços com estrutura similar. Uma header pequena, um banner chamativo e uma interface clean com cerca de três cards informando os benefícios de cada plano de assinatura. Dentro de cada card, uma descrição sucinta dos benefícios-chave daquele plano.

E não é por acaso que a maioria dos e-commerces por assinatura seguem esse formato. Ele é conciso, informativo e induz à ação. Os clientes que escolhem a plataforma da Robox para os seus e-commerces por assinatura já contam com essa estrutura em seus sites, como por exemplo o SteakBox:


2. Ofereça opções de pagamento de acordo com a localização

Se você deseja que o seu serviço também chegue ao mercado internacional, garanta que o gateway de pagamento do negócio tenha cobertura para cobranças em moeda estrangeira. O Stripe é uma opção interessante e muito utilizada por desenvolvedores de SaaS, pois ele mesmo faz a conversão para a moeda local.

3. Checkout sem obstáculos

O checkout é um dos pontos-chave da conversão. Quase como um campo de batalha, em que o negócio precisa lutar para que o cliente finalize a compra a todo custo. Uma vez que o cliente precisa preencher vários campos de cadastro até o final, qualquer distração pode atrapalhar o processo e comprometer a venda. Uma boa interface evita esse problema: nada de menus confusos, contadores, textos enormes e pop-ups. Também é interessante não tentar coletar tantas informações sobre o cliente de uma vez – os dados de pagamento já são suficientes na maioria dos casos. Lembre-se: o objetivo é fazer o usuário concluir a compra.

Aqui na Robox, nossos clientes também contam com um checkout sucinto e direto ao ponto:

4. Garanta uma compra acionável no seu e-commerce por assinatura

Você acabou de fechar mais uma assinatura. Oba! Assinante novo no pedaço. Agora é a hora de garantir que ele vai poder acessar imediatamente (após o pagamento) o seu produto ou serviço digital (ou rastrear o mais rápido possível a sua compra física). Garanta um bom time de onboarding para receber o cliente na plataforma e conduzir a sua primeira experiência, garantindo que ela seja a melhor (afinal, a primeira experiência pode ser determinante para a retenção desse assinante). Se faça presente também na sua caixa de entrada, confirmando cada etapa da compra e relembrando a importância de manter a sua assinatura com conteúdos ricos e de valor.

5. Autoatendimento com conveniência e de fácil compreensão para o assinante

Se o assinante tem autonomia para assinar um serviço 100% online, ele também deve estar habilitado a cancelar, renovar, fazer updates ou mudar seu plano de assinatura da mesma maneira. Torne esse processo o mais simples possível.

6. Experiência inteligente no cancelamento

Sim, é preciso considerar a experiência do assinante até na hora do cancelamento. Cancelar uma assinatura deve ser um processo rápido, otimizado, personalizado e sem dor de cabeça. Mas também pode ser uma oportunidade inteligente de mostrar outras alternativas ao cliente. O marketing da empresa pode coletar dados sobre a razão do cancelamento e, com base nessa informação, apresentar novas opções – seja de produto, plano ou preço. Experiências segmentadas para um funil de cancelamento melhoraram em 40% a retenção dos clientes da Limio!

7. Upsells e cross-sells no seu e-commerce por assinatura

Geralmente, a primeira assinatura é a porta de entrada para o consumidor conhecer mais produtos da empresa. Seja por meio de um upgrade no plano (upsells) ou pela possibilidade de adicionar produtos avulsos no carrinho (cross-sells), essa realidade precisa ser considerada pelo time comercial. Defina estratégias de marketing que deixem claro ao assinante que ele possui opções de compra para além do plano escolhido – e que ele pode considerá-las a qualquer momento, de preferência a um clique de distância.

8. Analise as métricas do seu e-commerce por assinatura

Não faz sentido colocar estratégias de retenção e conversão em prática sem analisar os indicadores desses resultados. Para tomar decisões assertivas, é preciso se basear em dados. Relatórios com análises dessas métricas ajudam a entender onde a empresa pode estar errando ou acertando. Temos um artigo no blog da Robox indicando quais os melhores indicadores/métricas para negócios recorrentes:

9. Atendimento omnichannel

O seu assinante pode editar no mobile uma compra realizada no desktop (e vice versa)? Usuários estão constantemente entre uma plataforma e outra, e eles vão esperar que você entenda essa realidade. Por isso, a experiência omnichannel é uma tendência: mais do que uma estratégia multicanal, ela gira em torno do cliente, abrangendo todos os canais que ele se encontre.

10. Viabilize ferramentas que dispensam códigos para a sua equipe

Se todas as funcionalidades do seu e-commerce se concentram majoritariamente no time de desenvolvedores, entregar uma experiência de alto nível aos assinantes pode ser difícil. Logicamente, a tecnologia é importante e providencial, mas os times de produto, design e marketing também são mais do que essenciais na hora de fidelizar e reter clientes. Esses times precisam de agilidade e flexibilidade em suas tarefas, sem que elas se percam em reuniões de sprint, testes de qualidade e outras discussões técnicas. Por isso, é importante para toda a empresa contar com ferramentas que dispensam códigos quando precisarem realizar alguma ação na plataforma e-commerce.

Conclusão

Essas dez estratégias podem soar muito trabalhosas para e-commerce por assinatura – e são! De fato, negócios por assinatura estão se popularizando e demandando experiências ainda mais personalizadas. Mas você não está sozinho: softwares como a Limio, nos EUA, e a Robox, no Brasil, estão no mercado para ajudar empresas a atenderem essas necessidades.  Invista em plataformas inteligentes para o seu e-commerce, com soluções modernas, personalizáveis e na nuvem. Essa é a maneira mais eficiente de entregar uma experiência à altura das expectativas do seu assinante.

0 0 vote
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Quer saber das últimas novidades do cenário digital?